Sobre como ler um texto de dramaturgia

Por Mauricio Dias – comoeueratrouxa

Escrevi neste site vários textos que envolviam dramaturgia, seja para teatro, sejam releituras de roteiros de filmes célebres.

Roteiro meu, original, não postei nenhum, são muito extensos.

O fato é que pessoas que não são da área tem dificuldades para ler roteiros. Porque o roteiro não é o produto final, é o equivalente à planta baixa em arquitetura, então o leitor tem que ter um certo conhecimento do métier para, ao ver a planta, conseguir visualizar a casa.

Muitas vezes um texto dramatúrgico não tem força no papel, mas ganha vida quando lido por um ator adequado ao material.

Tenho meus leitores de confiança, acho que todo mundo que escreve deva ter os seus, aqueles a quem você mostra o material antes de mostrar a qualquer outro.

Um desses, um amigo de infância, certa vez  reclamou (dentre muitas outras reclamações em diversas ocasiões) de um texto cômico que eu mandei a ele. Um texto que eu julgava engraçado. Retruquei:

Imagina o roteiro de ‘Monthy Phyton e o cálice sagrado’:

“Rei Arthur – Quem sois vós?

Cavaleiros – Somos os Cavaleiros que dizem ‘Ni’, e para passar por nossos domínios terá que nos trazer um shuberry.

Rei Arthur – Um o quê?

Cav. – Um shuberry.

Rei Arthur – E o que é um shuberry?

Cav. – Você terá que descobrir sozinho.

Rei Arthur – Isto é ridículo.

(para seus seguidores)

Vamos adiante, homens!

Cav. – Ni!Ni!Ni!”

Cito de cabeça, não ipsis litteris. Isso, no papel é uma babaquice sem tamanho e sentido. Na tela, da forma que foi feito, tornou-se um clássico do humor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: